Ministério da Saúde libera R$7 milhões para Hospital de Vilhena

  • Imprimir
  • Relatar um erro
  • A+ Aumentar a fonte
  • A- Diminuir a fonte

O senador Ivo Cassol (Progressistas-RO) e o prefeito de Vilhena Eduardo Japonês estiveram nesta quarta-feira (30), com o ministro da Saúde Gilberto Occhi. Acompanhados de vereadores do município e do deputado Luís Claudio (PR-RO), eles foram informados que o governo federal irá liberar R$7 milhões para o Hospital Regional de Vilhena. Os recursos deverão ser usados para custear despesas de média e alta complexidade.

Por mês são atendidos 10 mil pacientes no hospital que também socorre as populações de Cerejeiras, Cabixi, Pimenteiras, Corumbiara, Chupinguaia, Colorado, além de Comodoro, município que fica na divisa com o estado do Mato Grosso.

Durante a audiência, os parlamentares também solicitaram ao ministro a liberação de outros R$ 2,9 milhões para a compra de um aparelho de ressonância magnética para o Hospital Regional de Vilhena. A máquina é essencial para o apoio em diagnósticos de doenças graves.

“Vamos continuar trabalhando até o último dia do mandato pela melhoria da saúde de Rondônia. Saúde é uma prioridade”, destacou Cassol.